MenuPrincipal

Santiago | Portillo

O mais famoso e provavelmente também o mais antigo centro de esqui da América do Sul, no coração mesmo da Cordilheira dos Andes, com 2.850 metros sobre o nível do mar, está Portillo.

Da mesma forma que fomos até Valle Nevado, fomos à Portillo de van com a Ski Total. Saímos às 8h e retornamos às 17h. O transporte custou 20.000 pesos por pessoa.
Como não tínhamos a intenção de esquiar, perguntamos na Ski Total o que poderíamos fazer em Portillo fora o esqui e nos responderam que "valia a pena estar lá, conhecer". Então dessa vez não alugamos as roupas. A viagem demorou pouco mais de 2h.

Caminho até a base

Portillo
Laguna Del Inca
 Piscina do hotel vista a partir do restaurante
Hotel Portillo
Hotel
 Entrada do hotel
Alojamento, hotel e cordilheira
Portillo apresenta uma linda paisagem, porém não há estrutura para aqueles que não vão esquiar.
Resolvemos andar um pouco pela estrada e nos deparamos com alguns ônibus e carros parados no acostamento e as pessoas brincando na neve "do lado de fora" da estação de esqui.

Ônibus no acostamento
 Pessoas brincando na neve
Montanhas vista da estrada
 Cordilheira
 Não tínhamos muita opção para o almoço, optamos por um lanche.

Hamburguesas com papas fritas
Crepe de doce de leite
#FicaDica
  • O único banheiro disponível é o da lanchonete, é limpo mas é pago, lembre-se de levar pesos;
  • Muitas pessoas dizem que não é a melhor estação para iniciantes, pois são pistas para profissionais, mas o relato do blog "Viage na Viagem" (http://www.viajenaviagem.com/2011/07/neve-no-chile-uma-boia-em-portillo/) diz o contrário; 
  • Para quem não pretende esquiar e vai aguardar a van para retornar para Santiago, aproveite para ter contato com a neve do lado de fora da estação, ao lado da rodovia, mas cuidado com as pedras e com a rodovia também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário