MenuPrincipal

Serra Negra

Um final de semana é suficiente para conhecer os principais atrativos de Serra Negra e região, onde o turismo dessas cidades são marcantes pelo bem-estar e saúde. E assim fizemos. Saímos de casa por volta das 06:30h no sábado, dia 29/09/12.

Portal de Serra Negra

Padaria Serrana
Chocolate quente e pão de queijo
Coreto da praça em frente à padaria 
Após uma parada para o café da manhã em Serra Negra, seguimos direto até Monte Sião. Depois de passarmos o sábado em Monte Sião, Águas de Lindóia e Lindóia, retornamos para Serra Negra. Apesar de termos pesquisado sobre hotéis e pousadas, não tínhamos reserva em nenhum. Precisávamos descansar um pouco, então aproveitamos e fechamos uma diária no Hotel Montana Serra Negra.

Hotel
Como diz no próprio site do hotel (http://www.hotelmontana.com.br/home.html), eles não oferecem luxo e sim camas macias num ambiente agradável, limpo e confortável. Apesar de apertados, os quartos são bem arrumados. O café da manhã tem grande variedade de pães, bolos, frutas e doces.

Fachada
Sala de TV
Sala recepção
Área para café expresso junto à recepção
Quarto
Quarto
Banheiro
Banheiro
Vista da varanda do quarto
Área do café da manhã
Jantar
Depois de descansar um pouco na pousada, fomos andando até encontrar um barzinho legal. Na Praça João Zelante, próxima à padaria que tomamos café da manhã, tem alguns barzinhos que colocam as mesinhas na calçada. Escolhemos o Café Boteco (http://www.cafeboteco.com.br).

Praça João Zelante
Fachada
Mesinhas na calçada
Ambiente
Caipirinha de saquê com morango e Chopp Brahma Black
Até o pedido chegar à mesa, o garçom sugere os frios por quilo no self-service. Você escolhe aquilo que quer e na quantidade desejada.

Frios
Pastéis de queijo, carne e palmito e porção de linguicinha artesanal
Taça quente: sorvete, banana, caramelo e amendoim
Domingo de manhã
Depois do café da manhã, andamos um pouco pelas redondezas do hotel, passando por praças, rodoviária, feiras de artesanato e ruas do Centro.

Homenagem ao imigrante italiano
Praça
Feira de artesanato
Rodoviária
Centro
Teleférico
Uma das mais tradicionais atrações da cidade, o teleférico tem 1.400m de extensão fazendo o percurso da Praça João Pessoa até o Pico do Fonseca, onde abriga o Monumento ao Cristo Redentor a 1.080m de altitude. O ingresso custa R$ 12,00 por pessoa.

Informações sobre o teleférico
Ingressos
Teleférico
Lanchonete com banheiros no Pico
Vista da cidade
Cristo
Trenzinhos Tia Linda e Maria Fumaça
O trenzinho sai de frente a rodoviária passando pelas principais ruas e também pela Mini Fazendinha e pela Fonte Santo Agostinho. Custa R$ 12,00 por pessoa e tem duração de aproximadamente 1 hora. Esse passeio de trenzinho poderia ter ficado de fora do roteiro, uma vez que não há guia turístico com explicações sobre a cidade e podemos passar pelos mesmos lugares de carro.

Ingressos
Trenzinho Tia Linda
A Mini Fazendinha é um espaço rural dentro da cidade, onde abriga animais como avestruz, lhama, pônei, mini cabra, carneiro, ganso, mini boi, coelho, galinhas, galos, pássaros. Há também uma lanchonete, brinquedos para crianças (cama elástica e piscina de bolinhas) e venda de sandálias e bolsas.

Exposição de objetos antigos
Galinhas e galos
Lhama
Pônei
Ganso
Bezerro
Área da Mini Fazendinha
A Fonte Santo Agostinho possui bosque com mata nativa, lago com peixes, coreto, playground e a fonte propriamente dita.

Entrada
Área com bancos e fonte ao fundo
Lago com peixes
Compras
Antes de voltar ao hotel para fazer check-out, compramos alguns queijos e doces. Há várias lojas e o valor não muda muito de uma para outra.

Fachada
Interior da loja
Disneylândia dos Robôs
Um dos passeios mais divertidos, onde podemos ver e até interagir com alguns brinquedos feitos de sucata. A entrada custa R$ 9,00 por pessoa. (http://disneylandiadosrobos.com.br/)

Fachada
Entrada
Robô
Área externa
Subindo a torre
Vista da torre
Rota do queijo e vinho
Pensávamos que seria um passeio do tipo "queijo e vinho", mas descobrimos que é "rota do queijo" e "rota do vinho". Para chegar na rota do queijo, anda-se 5km em estrada de terra até chegar na Fazenda Chapadão. É indicado ir bem cedo, para ver a ordenha, berçário, vacas, degustação de queijo e lojinha. Esse roteiro tem o valor de R$ 12,00 por pessoa. Como fomos no horário no almoço, não daria para ver tirando o leite, então optamos apenas por conhecer a lojinha. Fiquei um pouco decepcionada, pois tinha uma expectativa maior do que simplesmente trazerem meia dúzia de tipos de queijos embalados em uma fôrma para você escolher qual vai levar.

Placa na entrada
Berçário e vacas
Andando mais 3,5km para frente, chegamos ao Sítio Bom Retiro. Fomos bem atendidos por uma moça que nos apresentou a loja onde vende cachaças, vinhos, licores, sucos e pimentas. Tudo feito ali mesmo,  pela Família Carra.

Placa na entrada
Entrada
Fachada da loja
Família Carra
Cachaça
Vinhos e licores
Hora do almoço
As mesinhas com toalhas verde e vermelha na área externa do restaurante e o leitão a pururuca nos chamaram a atenção, por isso escolhemos o Carlinhos Restaurante para almoçar.

Fachada
Ambiente
Torradinhas de entrada (cortesia)
Leitão a pururuca, virado de feijão, couve e polenta frita
Petit gateau
Lago dos Macaquinhos
Depois do almoço, antes de irmos embora, passamos pelo Lago dos Macaquinhos. Com piscina, playground, aluguel de cavalos e bicicletas, lanchonete, lago para pesca, pedalinho e uma ilha para criação de macaquinhos. A entrada tem o valor de R$ 5,00 por pessoa.

Fachada
Lago
Lago com ilha dos macaquinhos
Macaquinho
Lanchonete

Nenhum comentário:

Postar um comentário